Acessórios para Bombas Linhas Tetralon

A prevenção de ocorrências na operação de bombas e linhas de produção é um fator de grande economia para as indústrias, muito além da mera questão de cumprimento de normas legais.

Existem diversos acessórios bastante consagrados na proteção de operações de bombeamento, tais como amortecedores de pulsação e protetores de manômetro (protegem as tubulações contra impactos de picos de pressão ou vibrações), detectores de ruptura de diafragma e monitores de carga (evitam vazamentos, riscos ao operador ou danos às bombas).

Outro fator de risco à operação é a necessidade de fabricação sob medida de peças para instalação das bombas, como base e conexões de flanges. Soluções pré-fabricadas (como bases modulares ou conexões de geometria especial) utilizam componentes próprios que garantem a operação segura da bomba, evitando o alto custo de desenvolvimento e manufatura de componentes, como peças de base ou conexões sob encomenda.


Acessórios para Bombas

Amortecedor de Pulsação de Diafragma Pneumático • Linha Sentry

  • Amortecedor de pulsação Blacoh Sentry
    • Equipamento de proteção de tubulações e bombas, absorvendo golpes de pressão (aríete).
    • Acionamento pneumático.
    • Grande capacidade de amortecimento.
    • Acompanham manômetro.
    • Corpo em alumínio, aço inox 316, ferro fundido, polipropileno, Teflon ou PVDF.
    • Linha opcional sanitária.
    • Opções em alimentação e ajuste.
  • Conexões de até: 3"
    Temp. máx.: 176 °C

Otimiza e resolve:


Porque:

O amortecedor de pulsação absorve golpes de pressão no funcionamento de bombas pulsantes, como as de pistão ou pneumáticas: o efeito “golpe de aríete” é amortecido e não se propaga pela tubulação assim protegida, diminuindo também a perda de carga e o cisalhamento do produto.

O amortecimento do golpe de pressão vindo do fluido pulsante torna o fluxo de bombeamento linear.

O corpo do amortecedor de pulsação pode ser em aço inox 316, ferro fundido, polipropileno, Teflon ou PVDF. Seu diafragma é elastomérico, material de grande resistência química e mecânica, podendo também lidar com alta viscosidade.

Opção de amortecedores sanitários, com materiais e projetos certificados, capazes inclusive de receber CIP.

Todos os amortecedores de pulsação linha Blacoh Sentry possuem manômetro, permitindo monitorar a pressão interna do equipamento e compensar com mais ar comprimido se for o caso.

O acionamento do amortecedor de pulsação é pneumático, dispensando instalação elétrica e motores.


Amortecedor de Pulsação de Diafragma Pneumático Linha Equalizer

  • Amortecedor de pulsação metálico Wilden Equalizer
    • Equipamento de proteção de tubulações e bombas, absorvendo golpes de pressão (aríete).
    • Acionamento pneumático.
    • Grande capacidade de amortecimento.
    • Corpo em alumínio, aço inox 316, ferro fundido, polipropileno, Teflon ou PVDF.
    • Linha opcional sanitária.
    • Permitem o uso de medidores de vazão.
  • Conexões de até: 2"
    Temp. máx.: 176 °C

Otimiza e resolve:


Porque:

O amortecedor de pulsação absorve golpes de pressão no funcionamento de bombas pulsantes, como as de pistão ou pneumáticas: o efeito “golpe de aríete” é amortecido e não se propaga pela tubulação assim protegida, diminuindo também a perda de carga e o cisalhamento do produto.

O amortecimento do golpe de pressão vindo do fluido pulsante torna o fluxo de bombeamento linear.

O corpo do amortecedor de pulsação pode ser em aço inox 316, ferro fundido, polipropileno, Teflon ou PVDF. Seu diafragma é elastomérico, material de grande resistência química e mecânica, podendo também lidar com alta viscosidade.

Opção de amortecedores sanitários, com materiais e projetos certificados.

O acionamento do amortecedor de pulsação é pneumático, dispensando instalação elétrica e motores.

Instalação opcional de medidores de vazão permite controlar e intervir no funcionamento do amortecedor de pulsação.

Protetor de Manômetro Linha Sentinel

  • Protetor de Manômetro Blacoh Sentinel
    • Acessório para proteção de instrumentos de medição contra fluidos corrosivos ou perigosos.
    • O protetor consiste num manômetro montado sobre um conector de flange, isolado do fluido por um diafragma elastomérico (selo-diafragma).
    • Permite a medição de pressão da linha sem contato com o fluido.
    • Materiais do corpo resistentes a ataque químico ou a desgaste de fluidos abrasivos.
  • Pressão máx.: 69 bar
    Temp. máx.: 176 °C

Otimiza e resolve:


Porque:

O protetor de manômetro linha Blacoh Sentinel, também conhecido como selo-diafragma, consiste num dispositivo de intermediação entre este e a linha, isolado por um diafragma, permitindo a leitura indireta da pressão, sem risco de contato do manômetro com o fluido.

O protetor de manômetro evita danos provocados por fluidos corrosivos, tóxicos ou abrasivos, aumentando a vida útil do manômetro.

O protetor de manômetro oferece uma proteção básica contra picos repentinos de pressão ou leve pulsação.

Detector de Ruptura de Diafragma de Bombas Pneumáticas • Linha Spill Stop

  • Detector de Ruptura de Diafragma Blacoh Spill Stop
    • Acessório para detecção de ruptura de diafragma, que pára a bomba pneumática em caso de vazamentos.
    • Ideal para bombeamento de fluidos altamente perigosos ou valiosos.
    • Compatível com bombas pneumáticas de diafragmas nos tamanhos de ¼" (6,35 mm) até 4" (101,6 mm).
    • Conectados diretamente a exaustão de ar da bomba.
    • Acionamento totalmente pneumático.
    • Alarme opcional. Pode acionar uma bomba reserva.
    • Opção construtiva certificada ATEX.

Otimiza e resolve:


Porque:

O detector de ruptura de diafragma previne o vazamento em bombas pneumáticas, ao captar vestígios do produto bombeado nos gases expelidos pela exaustão do sistema de distribuição de ar. Isso permite deter o vazamento, evitando perda de produto ou risco à segurança.

Bloqueando a descarga, o detector de ruptura de diafragma pára automaticamente a bomba, podendo inclusive acionar automaticamente uma bomba reserva.

O acionamento do detector de ruptura de diafragma é totalmente pneumático. Pode ser acoplado a um alarme sonoro (requer instalação elétrica).

A detecção de vazamentos é feita utilizando ar expelido, só requer conexão direta à exaustão do acionamento pneumático, não sendo invasiva. Dispensa abertura da bomba para instalar acessórios/componentes em seu interior.


Detector de Ruptura de Diafragma por Câmara de Barreira • Linha Barrier Chamber

  • Câmara de Barreira Almatec Barrier Chamber
    • Acessório para detecção de ruptura de diafragma, usando câmara de barreira, que emite alerta em caso de vazamentos.
    • Câmara de barreira instalável em cada um dos lados da bomba (agrega mais um diafragma de cada lado). Confere ao equipamento total estanqueidade.
    • Cada câmara (formada entre dois diafragmas) é preenchida com fluido neutro. Sensores monitoram a condutividade na câmara. Em caso de ruptura de diafragma, os sensores detectam a variação de condutividade e identificam a falha.
    • Ideal para bombeamento de fluidos altamente perigosos ou valiosos.
    • Instalável apenas nas bombas pneumáticas de diafragmas da linha Almatec.

Otimiza e resolve:


Porque:

O detector de ruptura previne o vazamento em bombas pneumáticas, ao captar vazamento do produto bombeado dentro do fluido neutro da câmara formada entre o diafragma da bomba e o diafragma de barreira. Ele contém o vazamento, evitando perda de produto ou risco à segurança.

A câmara de barreira possui sensores que detectam a ruptura de diafragma, ativados pela condutividade do fluido na barreira, podendo acionar tanto um alarme sonoro quanto um dispositivo de desligamento do fornecimento de ar comprimido ou acionamento de bomba reserva.

A câmara de barreira impede que o produto vaze para fora da bomba, escoando através do SDA (sistema de distribuição de ar). O diafragma original da bomba funciona como uma proteção estanque, impedindo o vazamento.

Monitor de Carga para Bombas Centrífugas • Linha Emotron

  • Monitor de Carga Innomag Emotron
    • Acessório de segurança para bombas com acionamento elétrico, que previne problemas na operação.
    • Comparando a potência elétrica fornecida com a perda de carga do motor, o monitor de carga pode desde emitir alertas até parar o bombeamento.

Otimiza e resolve:


Porque:

O monitor de carga acompanha o funcionamento do eixo rotor, comparando valores de energia elétrica fornecida com a rotação existente, mensurando a perda de carga. Nos limites de segurança, ele pode tanto emitir alertas como também interromper o funcionamento da bomba.

O monitoramento de carga também detecta problemas como obstrução de linha, tanto na sucção quanto na descarga, impedindo danos à bomba por cavitação ou trabalho a seco.

O monitor de carga linha Innomag é compacto, não requer muito espaço para sua instalação, que é extremamente simples.

O uso de monitores de carga evita que ocorra danos à bomba por mal funcionamento ou por cavitação, impedindo gastos maiores com paradas não-programadas e reparos, além de assegurar proteção tanto para o operador quanto ao espaço de trabalho.

Base Modular para Bomba Estacionária ou Skid

  • Conjunto montado em skid com Bomba Gorman-Rupp
    • Com apenas 16 tipos de componentes, as bases modulares atendem a todos os tipos de instalação de bombas, desde skids até estações fixas.

Otimiza e resolve:


Porque:

São soluções padronizadas e customizáveis para instalação de bombas, desde skids móveis até conjuntos estacionários. A montagem com componentes-padrão (16 tipos de peças) assegura economia e qualidade na instalação, bem como funcionamento perfeito da bomba.

Os componentes modulares das bases Gorman-Rupp permitem o rápido desenvolvimento de projetos de instalação, evitando o risco de combinações de componentes incompatíveis, que ou exigem altos gastos de manufatura, ou não garantem o bom funcionamento da bomba.

Conexões de Flange Pré-fabricadas

  • Conexões de flange pré-fabricadas Börger
    • Conexões de flange com geometrias diferenciadas, que permitem conectar bombas de lóbulos ou maceradores linha Börger a linhas de difícil acesso, como em espaços pequenos e/ou com obstáculos no caminho entre instalação e tubulação.
    • Dispensam a necessidade de produção de conexões sob medida, de custo extremamente mais elevado.

Otimiza e resolve:


Porque:

As conexões pré-fabricadas possuem uma grande variedade de formatos, curvaturas e aberturas extras, e permitem a conexão de bombas de lóbulos e maceradores Börger a tubulações sem proximidade ao ponto da instalação, seja por causa de obstáculos ou pela exiguidade de espaço.

Sendo pré-fabricadas, as conexões de flange Börger dispensam a produção de conexões sob medida para instalação de bombas em geometrias complexas, muito mais custosas para aquisição, e que não asseguram nem perfeição no encaixe nem fluxo adequado do produto nessa linha.

Informações sujeitas a alterações sem aviso prévio    (dez/2013).

 

Rua Forte da Ribeira, 350 • Unid. 1 • São Mateus • São Paulo / SP • CEP: 08340-145