O que são as bombas de engrenagens?

Bomba de Engrenagem Viking

A bomba de engrenagem é uma bomba de deslocamento positivo, e um dos componentes de um sistema hidráulico, responsável por converter energia mecânica em energia hidráulica. Essas bombas são formadas por uma carcaça com pequenos canais de entrada e de saída, além de um mecanismo para o bombeamento de líquidos que consiste em duas engrenagens.

Essa bomba positiva é comumente especificada através de sua capacidade máxima de pressão e também pelo seu deslocamento, o qual é calculado em litros por minuto (LPM) e em rotações por minuto (RPM). Além disso, ainda é importante considerar outras características dessa bomba positiva, como a sua temperatura de operação, vazão, rotação máxima e pressão máxima de operação.

Elas são utilizadas em vários setores, como por exemplo, na indústria agrícola, fazendo parte das máquinas, dos tratores, das transplantadoras e outras. Dependendo de cada aplicação, é importante que a bomba de engrenagem seja adequada para um determinado tipo de atividade. Para isso, é preciso analisar a sua capacidade volumétrica, observando se o modelo da bomba possui os canais de lubrificação e os mancais de rolamento necessários.

Quais são os tipos de bombas de engrenagens?

Os principais tipos de bomba de engrenagem são:

– Bomba de engrenagem interna: Essas bombas são robustas e feitas para operar com diferentes líquidos, sejam eles corrosivos, tóxicos ou de baixa, média ou alta viscosidade. Entre as principais características das bombas de engrenagem interna estão uma longa vida útil, rendimento superior, vazão constante sem pulsação, facilidade no desmonte e na manutenção, bombeamento reversível e a existência de uma válvula de alívio.

– Bomba de engrenagem externa: Nesse tipo de bomba, as duas engrenagens estão presentes dentro da carcaça, com uma delas tendo um eixo responsável por transmitir a potência e a rotação geradas pelo motor, e a outra engrenagem sendo utilizada para realizar o engrenamento, a qual é chamada de engrenagem acionada. Essas bombas externas costumam apresentar um custo inicial menor, quando comparadas as bombas internas, porém, a sua vedação feita comumente com gaxetas é mais suscetível a ter vazamentos e falhas caso seja acionada em altas rotações.

– Bomba rotativa: Em operação, as engrenagens rotativas formam um vácuo no movimento de sucção, o qual faz com que o líquido entre dentro da bomba. Esse líquido, por sua vez, ocupa os espaços vazios que existem entre as engrenagens da bomba rotativa, transportando fluído da parte de sucção para a descarga.

Como funciona uma bomba de engrenagem?

Bomba de Engrenagem Viking Visão interna

De forma resumida, o funcionamento de uma bomba de engrenagem acontece através do bombeamento de líquidos, especialmente do óleo hidráulico, o qual é direcionado devido ao movimento das engrenagens para o portal de saída. Para que esse movimento aconteça, é preciso que exista um vácuo na entrada formado pelos dentes das engrenagens que estão se movimentando.

Essa é a razão pela qual uma bomba de engrenagem possui um par de engrenagens que permanecem envoltas por uma carcaça. Durante o seu uso, uma das engrenagens é acionada pelo motor, enquanto a segunda engrenagem é acionada pela outra engrenagem. É durante esse processo que ocorre o movimento responsável por bombear um líquido, geralmente o óleo hidráulico, transmitindo potência com a movimentação do bombeamento.

Assim, o fluido que fica no espaço entre os dois dentes é levado da área de sucção para a região da descarga. Esse dente da engrenagem é justamente o que impede o líquido de retornar e não realizar o movimento como deve ser feito.

Para quais tipos de fluidos as bombas de engrenagens são ideais?

A bomba de engrenagem é muito versátil e por isso vários tipos de fluidos podem ser utilizados nela. Entre os exemplos de maior destaque, é possível citar óleo diesel, óleos lubrificantes, óleos térmicos, biodiesel, querosene, óleo cru, glicerina, ácidos, resinas, solventes, xaropes, bases, tintas e vernizes.

Bomba de Engrenagem Viking Visão interna 2

Em quais aplicações industriais as bombas de engrenagens estão mais presentes? Por que razão?

– Indústria Química: Nessa indústria, a bomba de engrenagem é essencial pois é a responsável por fazer o bombeamento de esmaltes, tintas, solventes, fertilizantes, cosméticos, ácidos, detergentes, resinas e muitos outros. Sendo assim, as bombas de engrenagem são um dos componentes determinantes para o pleno funcionamento do setor químico.

– Indústria Petroquímica: Esse é um dos segmentos industriais em que a bomba de engrenagem é mais utilizada, tendo em vista que as bombas são necessárias para bombear o óleo diesel, as graxas, a gasolina, o óleo cru e outros tipos de óleo.

– Indústria Farmacêutica: As bombas de engrenagem para essa indústria são importantes pois realizam os bombeamentos de vários líquidos químicos, além de serem úteis tanto para o processo de movimentação como também para o processo de transferência. Nesse caso, as bombas para a indústria farmacêutica devem contar com uma estrutura robusta e terem uma boa durabilidade.

– Indústria Siderúrgica: Na siderurgia, a bomba de engrenagem é importante para auxiliar no processo de lubrificação dos laminadores e também na circulação de óleo, entre outras atividades.

– Indústria Têxtil: É um mercado que utiliza as bombas de engrenagem em grande quantidade para realizar o bombeamento de vários produtos químicos que são usados no processo de fabricação dos tecidos, como é o caso das tintas.

– Indústria Metalúrgica: Nas metalúrgicas, as bombas de engrenagens são utilizadas em diversos equipamentos e nas máquinas hidráulicas, sendo possível destacar os sistemas de lubrificação, o bombeamento de chumbo e de mercúrio, os filtros prensa e os queimadores de óleo, entre vários outros.

– Indústria Alimentícia: No setor dos alimentos, as bombas de engrenagem funcionam para o bombeamento de líquidos como xaropes, leite, refrigerantes, glicose, óleos aromáticos, fermento, levedura, melaço e muito mais.

Esses são os principais exemplos de segmentos industriais em que as bombas de engrenagem são amplamente utilizadas, mas além deles, esse tipo de bomba também é muito comum nas indústrias madeireira, naval, automobilística, gráfica, e diversas outras. Isso demonstra a grande importância que uma bomba de engrenagem apresenta atualmente, além de ressaltar a sua versatilidade devido a todos os campos industriais em que ela é utilizada.